[Curta Metragem #2] Vida Maria

by - 2/11/2014



Vida Maria é um curta-metragem brasileiro criado por Márcio Ramos. Foi lançado em 2006. Tem duração de 8:15 minutos. Foi vencedor de vários prêmios, dentre eles o Cleveland International Film Festival 2007 na categoria de Melhor Curta Internacional. E também o 3º Prêmio Ceará de Cinema e Vídeo.
Sinopse: Acompanhamos Maria durante o seu trabalho no sítio onde vive. Vai dos 5 aos 45 anos e passa todo seu estilo de viver para sua filha Lurdes. O filme mostra ciclos de vida pelos quais muitas vezes vivemos.

O curta é baseado na vida dos nordestinos, em especial do Ceará.
Maria José é uma menina cheia de sonhos e vontade de aprender a ler e escrever, mas é obrigada pela mãe a deixar seus estudos de lado para trabalhar e ajudar na fazenda em que vive.
Morando no sertão do Ceará, sob uma seca sem fim e sem perspectiva de uma vida melhor, Maria cresce, casa, tem filhos e envelhece. Acaba então passando tudo o que aprendeu e tudo o que sabe para sua filha Lurdes.

Foi produzido em computação gráfica 3D. Ele mostra personagens e cenários modelados com texturas e cores pesquisadas e capturadas no Sertão Cearense, criando uma atmosfera realista e humanizada.

Assisti esse curta pela primeira vez na faculdade em 2013 quando minha professora de História da Comunicação Contemporânea estava nos mostrando filmes e curtas que fugissem do padrão de Hollywood. Me lembro de ter visto filmes indianos e esse curta brasileiro.
Gostei muito mesmo, o que fez aumentar meu amor pelos curtas e pelas criações nacionais.

Na história vemos um círculo sem fim, sempre a mesma coisa, sempre o mesmo sofrimento e sonhos sendo postos de lado, sem nunca mudar.
Vemos a importância dos estudos na vida de uma pessoa, mas que a necessidade de trabalhar para ajudar a família de poucos recursos consome tudo, fazendo desaparecer a menina cheia de vida que era e a jovem apaixonada que já foi um dia, fazendo tudo isso se tornar perda de tempo.
Se esquecer completamente da sensação de conhecer e aprender coisas novas.

Vale muito a pena dar uma conferida e depois parar para refletir sobre isso.




Follow Me:

You May Also Like

0 comentários