Gênero: Ficção, Fantasia, Drama | Duração: 50-82 minutos | Criador(es): David Benioff e D.B. Weiss | Baseado em: A Song os Ice and Fire, de George R.R. Martin | País de Origem: Estados Unidos | Emissora: HBO | Ano: 2011-2019 | Temporadas: 8 | Episódios: 73 | Status: Finalizado

__________

 Resumo:


Game of Thrones é uma série da HBO, criada por David Benioff e D.B. Weiss, baseada na saga “As Crônicas de Gelo e Fogo”, do escritor George R.R. Martin.

A série apresenta o universo de fantasia medieval de Westeros, com as famílias nobres dos Sete Reinos em guerra pelo Trono de Ferro. Quando o conflito irrompe na terra dos homens, um antigo inimigo surge mais uma vez para ameaçar a todos.

Ao Norte, a antiga Muralha protege o reino da misteriosa e gélida escuridão do além, enquanto alianças e conflitos se sucedem na guerra de poder em Westeros – especialmente entre os Lobos da Casa Stark e os Leões da Casa Targeryen. Do outro lado do Mar Estreito, a última herdeira da dinastia Targeryen planeja reivindicar o trono de sua família, após o assassinato de seu pai, o Rei Louco.
Resumo por Minha Série
__________


Resenha:


Essa é uma série de tirar o chapéu. Produção espetacular, roteiro de qualidade, ótima direção e um elenco incrível. Uma história medieval que possui drama, sexo, sangue, traição, fantasia, guerra, amor, ganância e batalhas épicas. Se você gosta de todos esses elementos, não perca tempo e vá assistir Game of Thrones.

Eu sou do tipo que não consegue resistir quando determinada série começa a bombar e várias pessoas comentarem, eu PRECISO assistir, e esse foi o caso de Game Of Thrones. A primeira temporada tinha acabado de ser finalizada quando comecei a ver e nossa, que experiência incrível, fui surpreendida em todas as cenas, ela foge muito do que normalmente é esperado que aconteça nas histórias e isso foi o que mais me fisgou pra querer continuar acompanhando.

Comecei a acompanhar todas as notícias que saíam, todas as teorias. Eu fiz questão de assistir todos os mais de 200 vídeos que a Carol Moreira e a Mikannn fizeram sobre a história, tanto dos livros quanto do seriado. Criei coragem e comprei os cinco livros das Crônicas de Gelo e Fogo até então lançados. Os livros são absurdos de grandes, mas a história te prende muito, até agora li apenas os três primeiros (A Guerra dos Tronos, A Fúria dos Reis, A Tormenta de Espadas), ainda falta ler os dois últimos (O Festim dos Corvos, A Dança dos Dragões). Enfim, foi uma série que me marcou muito.

Mas eu não vou mentir e dizer que ela se mantém incrível do começo ao fim. A partir da 5ª temporada ela vai perdendo a sua força e a trama começa a se tornar mais fraca, mais previsível, os personagens já não se arriscam mais tanto até que tudo não faça mais sentido, eles começam a tomar certas decisões e a agir de uma forma que não condiz com o que eles sempre foram ao longo da série (e o que tornava eles incríveis), soluções simples são impostos para problemas complexos e isso é uma coisa que perde a graça.

É uma grande pena que a série decaiu com o passar do tempo e não teve o final épico que ela merecia, mas ainda assim eu acredito que vale muito a pena assistir. A série como um todo é extremamente marcante, do tipo que te faz ficar bolando inúmeras teorias sobre o que vai acontecer a seguir após assistir um episódio. Não me arrependo nem um pouco de ter embarcado nesse mundo de fantasia maravilhoso, e para mim fica o legado do quanto me diverti e me empolguei.



Gênero: Ficção, Fantasia, Drama | Duração: 50-82 minutos | Criador(es): David Benioff e D.B. Weiss | Baseado em: A Song os Ice and F...


No dia 15/03/2020 começou oficialmente a minha quarentena, e mais minha mãe e irmãs, com quem moro. Pelos próximos meses não sairíamos mais de casa, paramos de fazer visitas aos parentes e amigos e receber pessoas aqui em casa, não saímos mais para passear ou viajar, os dias lindos e ensolarados tornou tudo muito pior por termos que ficar constantemente em isolamento dentro de casa.

Para mim não foi algo tão sacrificante assim porque costumo ser muito caseira, gosto muito mais de ficar no conforto do lar do que saindo para a rua, porém chega uma hora que você cansa, até mesmo eu fiquei cheia de ficar só em casa, não poder passear, imagina então como não foi para as pessoas que sempre gostaram mais de sair para “bater perna”, deve ter sido muito mais difícil.

Mas infelizmente foi necessário por conta da pandemia do coronavírus. Nós temos nos cuidado, saindo no máximo para ir ao mercado uma vez só e já fazer a compras do mês, sempre usando máscara e álcool gel.


__________

Fiquei triste que alguns eventos que iriam rolar e que sempre gostei de ir ou acompanhar pela TV foram cancelados ou adiados, tipo a Bienal do Livro SP, a BGS, e até mesmo os Olimpíadas 2020 de Tokyo. Muitos desses eventos aconteceram ou vão acontecer online através de lives, cada um na sua casa. Claro que eu já imaginava que isso tudo aconteceria por conta do isolamento, então não foi nenhuma surpresa, mas mesmo assim a gente não deixa de ficar triste com esse “novo normal”. Até mesmo o Enem, vestibulares e cursos que eu pretendia me inscrever foram adiados para o ano que vem.

Com minha mãe mais em casa trabalhando de home office, nós temos cozinhado muito, fazendo não apenas todos os nossos pratos favoritos, mas também buscando receitas novas na Internet. Não é à toa que todo mundo engordou um pouco nessa quarentena aqui em casa, hahaha. Acho que vou começar a compartilhar as receitas aqui no blog de tudo o que deu muito certo e recomendo.

Nessa quarentena eu também desenvolvi uma estranha mania por organização. Comecei a comprar caixas organizadoras transparentes ou de acrílico nas idas ao mercado e comecei a organizar coisas que antes ficavam jogadas, tipo minhas bolsas e mochilas dentro do armário, os mantimentos dentro da despensa, roupas de cama. Também comprei colmeias organizadoras pela Internet para organizar todas as minhas roupas dentro das gavetas. Talvez eu faça um post específico também contando sobre tudo isso, mas já adianto que valeu muito a pena, sempre me dá uma paz de espírito ver tudo organizado e cada coisa no seu lugar, haha.

Outras coisas que aconteceram foi eu ter aproveitado o isolamento para ir ao dentista uma única vez pra retirar de uma só vez os meus dois últimos sisos que faltavam (os dois primeiros retirei em setembro e outubro de 2018) e foi a melhor coisa que eu fiz, pude me recuperar da dor em paz no conforto do lar. Além da dor, meu rosto fico horrível muito inchado e com hematomas, levou 3 semanas pra passar e eu ficar bem de novo.

E outra novidade para contar foi eu finalmente ter me inscrito numa autoescola do meu bairro, aproveitando que eles fizeram uma promoção boa porque estavam precisando de dinheiro, já que tiveram que fechar por conta da pandemia. Daí quando a quarentena finalmente acabar, minhas aulas vão começar. Estou animada e ao mesmo tempo nervosa e com medo de dirigir, mas faz parte. E é um alívio finalmente correr atrás dessa pendência na minha vida, mesmo que aos 30 anos.

__________

Cozinhar foi o que mais fizemos nessa quarentena.

Tudo isso que contei serve como distração de tudo o que vem acontecendo com o país e o mundo, porque se não for para dar uma espairecida das notícias de vez em quando, a gente fica louco e também é importante cuidar do emocional.

Já tive alguns familiares que pegaram o coronavírus e ficaram péssimos. Uma prima minha é enfermeira, ela estava no hospital cuidando dos infectados até que ela acabou por pegar também e ficou extremamente mal, sem poder receber a visita de ninguém, principalmente dos pais que são idosos e grupo de risco, então foi muito difícil pra todos. Felizmente ela conseguiu se recuperar totalmente e foi recebida de volta no hospital onde trabalha com aplausos dos colegas.

Eu nem imagino quando (e se) tudo voltará ao que era antes, só nos resta esperar que criem logo uma vacina eficaz, mas enquanto isso, seguimos no distanciamento social e nos cuidados de higienização.


No dia 15/03/2020 começou oficialmente a minha quarentena, e mais minha mãe e irmãs, com quem moro. Pelos próximos meses não sairíamos m...


Oie, voltei! Sei que dei uma bela sumida daqui e o blog ficou completamente abandonado, a única coisa que eu me prestava a fazer todo ano era continuar pagando o domínio do blog não só porque eu não queria perder, mas também porque eu sabia que um dia voltaria.

Acontece que eu tinha dado uma desanimada com blogs, de continuar fazendo posts e não queria me obrigar a continuar blogando sem vontade, só para não abandonar isso aqui. Achei melhor respeitar a fase que eu estava vivendo, deixar o blog de lado e não me pressionar a fazer nada que eu não quisesse, não seria divertindo continuar blogando sendo que não era o que eu queria fazer.

Porém veio 2020, quarentena sem poder sair, passando muito mais tempo em casa, foi quando resolvi voltar para o blog, bateu aquela leve saudade de escrever sobre qualquer coisa que eu tivesse vontade, documentar a minha vida de alguma forma na Internet, essa sempre foi uma coisa que eu amei fazer desde a adolescência e isso nunca mudou.
__________

3º LAYOUT DO BLOG



Resolvi voltar dando uma repaginada em tudo por aqui, começando por procurar por um layout novo porque o anterior roxinho e lilás eu já não estava gostando mais, não me representava mais, inclusive era até mesmo um dos motivos que me desanimava a voltar para o blog. Revirei a Internet atrás de layouts free por aí até que encontrei o site Sora Templates que oferecia vários layouts, tanto gratuitos quanto pagos, e vários deles do jeito que eu queria: clean e minimalista.

Encontrei esse que está atualmente chamado Avant Garde e me apaixonei, baixei a versão gratuita, instalei no meu blog e comecei a mexer no layout (com meu conhecimento mínimo de html e muita ajuda da internet, haha) pra deixar exatamente do jeitinho que eu queria. Obviamente sem tirar os créditos, que continua no rodapé do blog.

O que mais me encantou nele foi o fato dele ser clean, branco e cinza, minimalista. Esse foi o incentivo que eu precisava pra ter coragem e disposição necessárias pra mexer no layout sabendo quase nada de html e sem ninguém pra me ajudar. Comecei fazendo isso no mês passado, em junho de 2020. Foram semanas frustrantes querendo que ele ficasse de um jeito e não conseguindo, porém não desistindo, continuei fuçando e pesquisando na internet a fundo até que... conseguiii!

Cheguei no resultado que eu queria que é o que vocês estão vendo agora e o misto de alívio, felicidade e orgulho que eu senti foi tão grande que senti a empolgação me contagiar, mesmíssima coisa que eu senti quando criei esse blog lá em 2013, parecia que ele estava nascendo de novo.

O fundo cinza claro e a área do post e coluna lateral branco deixam um ambiente muito mais confortável, sem muitas cores brigando com as imagens que posto. Adorei!


__________

     SOBRE O QUE É O LIVRO DE MEMÓRIAS:


Para essa nova fase, tentei selecionar os assuntos que mais gosto e pretendo falar no blog, estão em destaque nas Categorias que ficam no topo do blog e na coluna lateral, mas é possível que eu esteja sempre acrescentando ou tirando tópicos novos, de acordo com a minha vontade de falar ou não sobre determinado assunto com o passar do tempo.

Esse blog sempre foi pessoal e sempre vai ser. Trata-se de um lugar na Internet onde eu falo sobre coisas aleatórias da minha vida, independente se são importantes e relevantes ou não, e sobre coisas que eu gosto, por isso vou continuar também com minhas resenhas de livros, filmes e séries, que são meus vícios, haha. Além também de viagens que faço de vez em quando, eventos que vou, trabalhos que participo, etc.

Espero que gostem e se animem com essa nova fase tanto quanto eu, e principalmente que ela dure por muito tempo!


Oie, voltei! Sei que dei uma bela sumida daqui e o blog ficou completamente abandonado, a única coisa que eu me prestava a fazer todo ano ...



O ano de 2018 teve seus momentos bons e ruins, como qualquer ano, até aí normal, porém o fato é que os ruins aconteceram principalmente porque EU deixei acontecer, eram coisas que eu poderia ter escolhido evitar e não evitei, e isso me fez querer mudar completamente, chega uma hora que você cansa de sofrer e precisa assumir as rédeas da própria vida, e foi o que eu fiz em nesse ano de 2019.

Tracei algumas metas para a minha vida que iriam me beneficiar e que só dependiam de mim, e eu estava mais do que decidida e determinada a fazer dar certo, cumprir as metas, custe o que custar.

Eu queria me dedicar de verdade aos estudos, aos cursinhos online, estudar pra valer, relembrar as matérias mais importantes da época da escola para prestar vestibular no final do ano, e foi o que eu fiz. Só eu sei o quanto me dediquei, quanto lazer deixei de lado, o quão difícil foi eu me disciplinar, não foi fácil, mas a sensação de estar fazendo a coisa certa para a minha vida foi indescritível de maravilhosa e isso é uma coisa que acalma o coração.

Também decidi que não iria sair com mais ninguém novo, não só porque eu queria curar as dores do passado, mas também porque eu não queria fazer dores novas que iriam me distrair dos meus objetivos. No final das contas essa também se mostrou ser uma das minhas decisões mais acertadas, estava precisando demais disso.

Enfim, foi um ano que eu senti muito orgulho de mim mesma por ter traçado umas metas e ter lutado pra cumprir essas metas, sem deixar de lado, sem deixar pra depois, sem ficar com preguiça, fazer pouco caso, ficar só na vontade. Eu realmente fui lá e fiz. Não importa que fossem poucas coisas ou até mesmo “fáceis”, o que importa é que eu fiz o que me propus a fazer.

__________

JANEIRO
Viajei para a praia com a minha família, passamos quatro dias em São Sebastião/SP, ficamos numa pousada de férias como todo ano. Esse foi um mês que eu cuidei mais de mim mesma, estava precisando disso. Fez muito calor, verão, do jeito que eu gosto. Eu e minha família fizemos compras de decoração para o meu quarto e para a casa. Assinei cursinhos online e me preparei para voltar a estudar.



FEVEREIRO
Início das aulas do cursinho online e eu comecei a estudar definitivamente e levar a sério, foi o mês mais corrido de todos porque eu estava me adaptando à essa nova rotina. Também viajei para Capitólio/MG e fiquei embasbacada com esse lugar que é incrivelmente lindo.



MARÇO
Teve a semana de carnaval e eu fiquei mais de boas em casa, descansando um pouco dos estudos. Teve a montagem do guarda-roupa feito sob medida da minha mãe no quarto dela. Já estava mais ou menos acostumada à rotina de estudos. Descobri o jogo Twinsen Odyssey disponível para compra na Steam e passei o dia inteiro jogando, revivendo a infância, e zerei esse jogo num único dia.



ABRIL
Conheci a Carol Moreira e a Mikannn num evento de Game of Thrones que teve na Livraria Cultura do Conjunto Nacional e amei. Comprei uma nova cadeira de escritório e ela é linda. Teve a estreia da 8ª e última temporada de Game of Thrones. Passeio em Guararema/SP. Armário novo da cozinha feito sob medida.



MAIO
Assisti ao filme Vingadores: Ultimato nos cinemas e foi emocionante, fim dessa saga de super-heróis. Trabalhei na produção de um evento de uma empresa por 2 dias, foi um bico que uma amiga me chamou pra participar.



JUNHO
Viajei para Agudos/SP para rever toda a família por parte de pai. Compramos uns móveis novos para a cozinha: geladeira, micro-ondas, cooktop e forno.



JULHO
Reforma na cozinha: pia nova com gabinete feitos sob medida, instalação do cooktop e do forno, ficou lindo. Também colocaram pedra no beiral da sala, cozinha e lavanderia. Viajei com minha mãe e dois tios para Brasília e depois para Caldas Novas/GO, amei demais essa viagem. Engordei um pouco e deixei de ser tão magrela, como fui a minha vida inteira. Reforma no banheiro: gabinete e lavatório novos, além dos metais para pendurar toalhas.



AGOSTO
Correria para colocar os estudos em dia, depois de perder várias aulas por conta das viagens e reformas em julho. Houve as queimadas desenfreadas na Amazônia que chocou o mundo. Conheci e me viciei num jogo novo chamado Among us.



SETEMBRO
Finalmente consegui colocar em dia a matéria atrasada. Fiquei extremamente aliviada porque depois do que passei em 2017 e 2018, dessa vez não tive inferno astral, fiquei bem. Completei 29 anos!



OUTUBRO
Passeio no Parque do Ibirapuera. Fui novamente na BGS como imprensa, mas dessa vez sozinha. Me decepcionei bastante com um amigo meu que pisou na bola. Reta final dos estudos, já não aguentando mais. Peguei uma gripe muito forte, tive dor de garganta e fiquei rouca. Fiz prova de concurso.



NOVEMBRO
Fiz as provas do Enem 2019 e a prova da 1ª fase da Fuvest 2020. Após as provas me senti livre para voltar a assistir minhas séries e foi maravilhoso.



DEZEMBRO
Chegou o Kindle 10ª geração que comprei na Black Friday e amei. Descobri que passei para a 2ª fase da Fuvest e me senti perdida se curtia minhas férias ou voltava a estudar. Me decepcionei com outro amigo e esse eu resolvi cortar da minha vida de uma vez por todas. Tive um final de ano péssimo por conta de algumas decepções e tristezas que aconteceram nessa reta final.


__________

Document Your Life (2019)Clique aqui
Livros: 4 lidos – Clique aqui
Filmes: 32 assistidos – Clique aqui
Documentários: 6 assistidos – Clique aqui

__________


Feliz 2020!
Que o meu final de ano péssimo não seja um presságio do que está por vir!


O ano de 2018 teve seus momentos bons e ruins, como qualquer ano, até aí normal, porém o fato é que os ruins aconteceram principalment...



Aparentemente a Brasil Game Show (BGS) se tornou um dos meus eventos favoritos, visto que eu não conseguia me controlar de ansiedade e já estava atenta para quando abrissem as inscrições para credenciamento de imprensa conforme o evento se aproximava. Consegui me inscrever, fui aprovada e parti para o segundo ano consecutivo do Livro de Memórias na BGS.

Essa foi a 12ª edição do evento, em 2019. Aconteceu no Expo Center Norte e como sempre utilizei o ônibus gratuito que a BGS disponibiliza para o público que vai ao evento, ele parte e depois retorna ao Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo.

Foram cinco dias de evento, de 09 (quarta) a 13/10 (domingo), sendo o primeiro dia apenas para VIPs e Imprensa, que é sempre mais vazio para andar com calma, conhecer, fotografar, testar os jogos. De todos os dias, o único que eu não fui era de quinta, porque todos os outros lá estava eu batendo cartão no evento.



Apesar de games não ser exatamente o maior foco do blog e eu entender pouco do assunto, ainda assim é sempre divertido visitar todos os estandes, interagir e participar dos desafios, ganhar brindes, ver as pessoas jogando e se empolgando, assistir algumas entrevistas e bate-papos, ver os campeonatos rolando e o público indo ao delírio, é muito contagiante.

Como sempre sábado é o dia mais lotado com todos os ingressos esgotados, difícil de andar por lá, mas também é o dia que tem mais atrações, várias rolando ao mesmo tempo, e você fica perdido tentando se decidir aonde ir primeiro, haha.



Muitos cosplayers também homenageando personagens de tudo quanto é tipo de jogo, série, filme, enfim, da cultura pop. Eu sempre fico impressionada com o quanto o pessoal é criativo, eles levam muito a sério, fazem um investimento enorme de tempo e dinheiro nos looks pra ficar o mais parecido possível com o personagem, não é a toa que fazem tanto sucesso no evento e tanta gente pede pra tirar foto com eles. E isso vale não apenas para pessoas que estejam sozinhas, mas também para casais, grupos de amigos e até mesmo família completa, com os pais e filhos entrando na onda, é muito legal de ver.



Também rolava Just Dance nos estandes e o pessoal super participava. Ao contrário do ano passado que fiquei só assistindo de longe passando vontade, dessa vez eu deixei a vergonha de lado, me enfiei no meio do povo e também me acabei de dançar muitoooo, sério eu saí pingando de suor de tanto que dancei, foi muito divertido, amo demais Just Dance, mesmo sendo muito desengonçada e errar os passos algumas vezes porque estava aprendendo, haha, mas o que importava era me divertir e isso eu estava conseguindo fazer.

Ainda não foi dessa vez que eu subi no palco, hahaha, quem sabe no ano que vem, mas calma vamos aos poucos, já foi um passo e tanto eu não ficar mais parada e ido dançar. E como sempre curti algumas das músicas que tocaram e já adicionei às minhas playlists do Spotify pra ficar ouvindo sempre e lembrando desse dia (e já sabendo a coreografia, haha).



Enfim, curti demais voltar lá, amo eventos nerds, tanta coisa nova e legal pra conhecer, tanta empolgação da galera, não tem como você não se sentir animado também, vale muito a pena conhecer não só para os viciados em games, mas também até mesmo pessoas que não conhecem muito, tipo eu, pra conhecer coisas novas e quem sabe se surpreender positivamente com algo.

O post que eu fiz no instagram contando do evento:




Para quem se interessou e também quer conhecer, já vai se preparando desde já para a BGS 2020!


Aparentemente a Brasil Game Show (BGS) se tornou um dos meus eventos favoritos, visto que eu não conseguia me controlar de ansiedade ...