Minha programação para a Bienal do Livro SP 2018

quinta-feira, 5 de julho de 2018


Hoje saiu oficialmente a Programação da Bienal do Livro SP 2018 e eu já corri para dar uma olhada para decidir quais atrações/palestras eu quero assistir para poder ver quais dias irei.

Ficou decidido então o seguinte:

04/08 (sábado):
 Palestra com o Ziraldo e o Maurício de Sousa na Arena Cultural às 15:00h.

 Palestra com João Alegria (gerente geral do Canal Futura) e Marcos Mendonça (presidente da TV Cultura) no Espaço do Saber às 18:00h.

 Encontro de Fãs e Escritores de Romances Contemporâneos e Hot às 20:00h.

05/08 (domingo):
 Palestra com AKA Poeta, Pedro Gabriel e Carpinejar no Salão de Ideias às 11:00h.

 Bate-papo com Diego Badaró e Luiza Olivetto, com o tema Floresta, cacau e chocolate, no Cozinhando com Palavras às 14:00h.

 Palestra com Carina Rissi, Laura Conrado e Ana Beatriz Brandão na Arena Cultural às 16:00h.

 Encontro de Fãs: Concurso de Cosplay às 20:00h.

10/08 (sexta-feira):
 Palestra com Babi Dewet, Carol Christo, Melina Souza, Pam Gonçalves e Maurício de Sousa na Arena Cultural às 13:30h.

 Encontro de Fãs: Harry Potter Através dos Tempos – Uma Viagem pela Saga que há 21 Anos Encanta Gerações, às 20:00h.
Esse com a presença de Thiego Novais (Observatório Potter), Caco Cardassi (Caldeirão Furado), Renie Santos (O Expresso de Hogwarts), Leonardo Santi (Patrono Net) e Pedro Martins (Potterish).

OBS: No Espaço do Saber, terá a Equipe Microsoft a cada hora e eu pretendo passar lá para conhecer sim!


Por enquanto foram esses dias que eu estipulei que iria, mas se eu decidir ir em mais dias, volto para atualizar esse post contando.

Já estou muito empolgada e mal vejo a hora do evento chegar logo. Vou tirar muitas fotos, pegar autógrafos, andar muito até cansar, conhecer gente nova, e principalmente me divertir muito.

Para quem quiser ter uma ideia de como foram as duas últimas Bienais que aconteceram em São Paulo (e que eu fui), eu fiz posts contando aqui:
- Bienal de 2014: Como foi
- Bienal de 2016: Parte 1, Parte 2, Parte 3

25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo
Local: Av. Olavo Fontoura, 1.209 – Santana – São Paulo/SP
Dias e Horários: 03 à 12 de agosto de 2018. De segunda à sexta das 09:00h às 22:00h e sábado e domingo das 10:00h às 22:00h.
Ingressos: De segunda à quinta: Inteira R$ 20,00 e Meia R$ 10,00 / Sexta, sábado e domingo: Inteira R$ 25,00 e Meia R$ 12,50

Quem mais vai e está tão empolgado quanto eu?

Livro de Memórias na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

quarta-feira, 20 de junho de 2018


Olha só quem está de volta para anunciar, mais uma vez, a sua ida para mais uma Bienal do Livro: euzinha mesmo! Desde 2012 que eu vou para todas as bienais que acontecem em São Paulo e documento tudo aqui no blog, e esse ano não seria diferente.

Esse ano a 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo vai ocorrer um pouco mais cedo do que o de costume, não vai ser mais para o final de agosto ou começo de setembro. Fique atento: Ela começa no dia 03/08 (sexta-feira) e só termina no dia 12/08 (domingo), no Pavilhão do Anhembi.

A programação oficial ainda não saiu, mas assim que sair e eu decidir em quais dias eu irei, prometo que volto para contar tudo aqui no blog.

Passam-se anos e eu nunca me canso, muito pelo contrário, eu fico muito empolgada quando é ano da Bienal acontecer em São Paulo, e mais ainda conforme o dia vai se aproximando. Adoro assistir palestras dos meus autores favoritos, participar dos bate-papos, pegar autógrafos, visitar os estandes das minhas editoras favoritas e conhecer várias outras novas, adquirir livros que estou há muito tempo querendo etc.

Enfim, o post é curtinho porque eu ainda estou me organizando, decidindo quais dias irei e de quais atividades participarei, mas assim que estiver tudo certo, volto aqui para contar. Por enquanto esse post foi só para anunciar e reforçar o que já acontece sempre a cada dois anos: minha ida para a Bienal. Eu só não costumo ir para a Bienal do Rio porque não tenho condições de ir para lá, mas claro que vontade não me falta, nessas ocasiões eu só fico aqui acompanhando as notícias que saem sobre como está sendo o evento e passando vontade, hahaha.

Fiquem ligados!

25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo
Local: Av. Olavo Fontoura, 1.209 – Santana – São Paulo/SP
Dias e Horários: 03 à 12 de agosto de 2018. De segunda à sexta das 09:00h às 22:00h e sábado e domingo das 10:00h às 22:00h.
Ingressos: De segunda à quinta: Inteira R$ 20,00 e Meia R$ 10,00 / Sexta, sábado e domingo: Inteira R$ 25,00 e Meia R$ 12,50

Sobre começar a estudar por conta própria

quinta-feira, 15 de março de 2018


Como eu tinha dito nesse post AQUI, em 2018 eu decidi que iria voltar a estudar. Meu sonho era prestar Etec para entrar no curso de Produção de Áudio e Vídeo, e também prestar Fuvest para entrar na USP no curso de Biblioteconomia. Para isso, eu precisava realmente me dedicar aos estudos, relembrar várias coisas que vi no tempo da escola e ficar atualizada.

O problema é que já fazem quase 10 anos desde que me formei na escola, ou seja, já tem um tempão que eu não estudo, estava até perdida sem saber por onde começar e como começar. Eu sabia que iria estudar em casa mesmo por conta própria, não rolava pagar um cursinho presencial para mim, mas eu não sabia muito bem o que eu deveria fazer a partir daí.

Resolvi então entrar em alguns grupos de estudos no Facebook. São grupos onde várias pessoas também estão nesse processo de estudar para prestar vestibular, e o legal é que lá todos se ajudam e se apoiam nos estudos, compartilham suas experiências, dão dicas, tiram dúvidas, pedem ajuda etc. Achei isso fenomenal, estar em contato com pessoas que estão estudando me deu o ânimo que eu precisava para começar a estudar também.

Foi nesses grupos que eu fiquei sabendo de vários cursinhos online que existiam e quais as pessoas mais recomendavam, dependendo do que você busca. Bom, depois de ouvir várias opiniões e também levando em conta as minhas próprias dificuldades, por fim eu decidi que iria assinar o Descomplica para ver todas as matérias de forma geral e também assinaria o Ferretto porque sempre tive uma dificuldade monstra com matemática, estava precisando rever do zero mesmo, e me falaram que ele é ótimo nisso.

Claro que ainda existem muitos outros cursinhos bons que eu gostaria sim de assinar, para matérias específicas mesmo, mas eu não tinha certeza se eu sequer conseguiria dar conta de estudar tudo o que tinha que estudar, eu tinha medo de procrastinar e atrasar matéria, não me dedicar como deveria e, consequentemente, não aproveitar como deveria os cursinhos que eu estava pagando. Por isso optei apenas por esses dois em 2018 e vou avaliar como terei me saído no final do ano.

Se eu passar na faculdade, ótimo, mas se não passar, então pretendo estudar de novo no ano que vem, e assim sucessivamente até conseguir entrar, sem desistir. E nisso, eu avalio quais foram minhas maiores dificuldades para poder investir nisso no ano seguinte.

2018 está sendo meu primeiro ano de estudos, ainda estou um tanto que perdida pra pegar o ritmo das coisas, mas estou tentando. Para mim, não é nem um pouco fácil eu mesma me cobrar para estudar, sem um professor para fazer isso, não sou muito autodidata, facilmente procrastino, por isso está sendo um desafio e tanto.

Mas uma técnica que eu adotei é imaginar o que eu quero para a minha vida, como eu me imagino daqui para frente, o que eu quero alcançar a curto, médio e longo prazo. Eu traço um caminho com as coisas que eu preciso fazer para alcançar cada uma dessas metas e sigo. Por exemplo, se quero entrar na USP, então para isso eu preciso me dedicar muito aos estudos, e é o que eu já começo a fazer.

Além dos cursinhos online, eu também estou testando várias outras coisas que me recomendaram, como canais no Youtube de matérias específicas, aplicativos educativos, técnicas de concentração, montar um cronograma realista para mim sem deixar de estudar o que precisa em cada semana, seguir perfis no Instagram sobre estudos, etc. Eu posso voltar para recomendar coisas que eu testei e que deram certo para mim.

E de material, eu ainda tenho meu velho fichário, meu estojo com minhas canetas e até mesmo várias folhas de fichário que sobraram da época da escola (sim, quase 10 anos depois) que eu guardei por todo esse tempo. É o que eu estou usando pra estudar e tem dado certo para mim, sempre gostei mais de fichário do que de caderno para me organizar nos estudos.

Bom, e é aos trancos e barrancos que eu vou me adaptando aos poucos, no meu ritmo. Não é nem um pouco fácil, mas é o único caminho para conquistar o que eu tanto quero, o meu sonho, por isso é importante não desistir.

Theme Base por Erica Pires © 2013 | Livro de Memórias, por Renata Carvalho | Blog no ar desde 03.05.2013 | Versão 2.2 no ar desde 01.01.2014 | Topo