Sobre começar a estudar por conta própria

quinta-feira, 15 de março de 2018


Como eu tinha dito nesse post AQUI, em 2018 eu decidi que iria voltar a estudar. Meu sonho era prestar Etec para entrar no curso de Produção de Áudio e Vídeo, e também prestar Fuvest para entrar na USP no curso de Biblioteconomia. Para isso, eu precisava realmente me dedicar aos estudos, relembrar várias coisas que vi no tempo da escola e ficar atualizada.

O problema é que já fazem quase 10 anos desde que me formei na escola, ou seja, já tem um tempão que eu não estudo, estava até perdida sem saber por onde começar e como começar. Eu sabia que iria estudar em casa mesmo por conta própria, não rolava pagar um cursinho presencial para mim, mas eu não sabia muito bem o que eu deveria fazer a partir daí.

Resolvi então entrar em alguns grupos de estudos no Facebook. São grupos onde várias pessoas também estão nesse processo de estudar para prestar vestibular, e o legal é que lá todos se ajudam e se apoiam nos estudos, compartilham suas experiências, dão dicas, tiram dúvidas, pedem ajuda etc. Achei isso fenomenal, estar em contato com pessoas que estão estudando me deu o ânimo que eu precisava para começar a estudar também.

Foi nesses grupos que eu fiquei sabendo de vários cursinhos online que existiam e quais as pessoas mais recomendavam, dependendo do que você busca. Bom, depois de ouvir várias opiniões e também levando em conta as minhas próprias dificuldades, por fim eu decidi que iria assinar o Descomplica para ver todas as matérias de forma geral e também assinaria o Ferretto porque sempre tive uma dificuldade monstra com matemática, estava precisando rever do zero mesmo, e me falaram que ele é ótimo nisso.

Claro que ainda existem muitos outros cursinhos bons que eu gostaria sim de assinar, para matérias específicas mesmo, mas eu não tinha certeza se eu sequer conseguiria dar conta de estudar tudo o que tinha que estudar, eu tinha medo de procrastinar e atrasar matéria, não me dedicar como deveria e, consequentemente, não aproveitar como deveria os cursinhos que eu estava pagando. Por isso optei apenas por esses dois em 2018 e vou avaliar como terei me saído no final do ano.

Se eu passar na faculdade, ótimo, mas se não passar, então pretendo estudar de novo no ano que vem, e assim sucessivamente até conseguir entrar, sem desistir. E nisso, eu avalio quais foram minhas maiores dificuldades para poder investir nisso no ano seguinte.

2018 está sendo meu primeiro ano de estudos, ainda estou um tanto que perdida pra pegar o ritmo das coisas, mas estou tentando. Para mim, não é nem um pouco fácil eu mesma me cobrar para estudar, sem um professor para fazer isso, não sou muito autodidata, facilmente procrastino, por isso está sendo um desafio e tanto.

Mas uma técnica que eu adotei é imaginar o que eu quero para a minha vida, como eu me imagino daqui para frente, o que eu quero alcançar a curto, médio e longo prazo. Eu traço um caminho com as coisas que eu preciso fazer para alcançar cada uma dessas metas e sigo. Por exemplo, se quero entrar na USP, então para isso eu preciso me dedicar muito aos estudos, e é o que eu já começo a fazer.

Além dos cursinhos online, eu também estou testando várias outras coisas que me recomendaram, como canais no Youtube de matérias específicas, aplicativos educativos, técnicas de concentração, montar um cronograma realista para mim sem deixar de estudar o que precisa em cada semana, seguir perfis no Instagram sobre estudos, etc. Eu posso voltar para recomendar coisas que eu testei e que deram certo para mim.

E de material, eu ainda tenho meu velho fichário, meu estojo com minhas canetas e até mesmo várias folhas de fichário que sobraram da época da escola (sim, quase 10 anos depois) que eu guardei por todo esse tempo. É o que eu estou usando pra estudar e tem dado certo para mim, sempre gostei mais de fichário do que de caderno para me organizar nos estudos.

Bom, e é aos trancos e barrancos que eu vou me adaptando aos poucos, no meu ritmo. Não é nem um pouco fácil, mas é o único caminho para conquistar o que eu tanto quero, o meu sonho, por isso é importante não desistir.

Theme Base por Erica Pires © 2013 | Livro de Memórias, por Renata Carvalho | Blog no ar desde 03.05.2013 | Versão 2.2 no ar desde 01.01.2014 | Topo