Completei 30 anos de vida!

30.9.20 Renata Carvalho 0 Comments


Hoje é meu aniversário de 30 anos! 

Reflexões sobre o passado...
É muito doido lembrar, quando eu era criança, do que eu costumava imaginar de como estaria a minha vida quando eu tivesse essa idade. Basicamente uma adulta completa e responsável trabalhando no meu emprego dos sonhos e já morando na minha casa própria, dirigindo meu próprio carro, casada e talvez com dois filhos. 

Era uma visão muito idealizada que eu tinha de como uma pessoa DEVIA viver a sua vida, e consequentemente era uma vida que eu ACHAVA que queria alcançar. Que a vida devia ser só aquilo para todo mundo e isso já devia ser o bastante. 

É claro que com o tempo, conforme a gente cresce e vive, nossa visão de mundo vai mudando e se moldando de acordo com a nossa realidade e com o que nós aprendemos. Eu mesma já mudei de ideia sobre a minha própria vida inúmeras vezes e, mesmo agora, com 30 anos, ainda não tenho certeza de nada, ainda me encontro perdida, totalmente ao contrário das certezas que eu tinha quando era criança. 

Eu sou uma pessoa muito ansiosa e parte de mim quer ficar se comparando aos outros o tempo todo. Muita gente que eu conheço, nessa idade, ou até menos, já fez duas faculdades, trabalhou em vários lugares, está crescendo na empresa, viajou para vários lugares do Brasil ou do mundo, saiu da casa dos pais e está morando fora, está casado e/ou tem filhos. E eu não fiz nada disso. Mas eu me conheço e sei que se eu me permitir ficar me comparando com essas pessoas, eu entraria numa angústia e num desespero terríveis e isso me faria extremamente mal. 

Porém eu aprendi com a vida que cada pessoa tem o seu tempo. Umas pessoas vivem as coisas mais cedo e outras pessoas vivem as coisas mais tarde do que o geral; ou então nem vivem, não é do interesse da pessoa viver aquilo só porque está todo mundo ao seu redor vivendo; e está tudo bem. E o mais importante: não é uma competição. Não devo fazer as coisas só porque fulano também fez, ou então mais cedo ou mais tarde do que ele. Tentar seguir o meu próprio ritmo e vontades é o que tento buscar sempre e é o que mais acalma minha ansiedade. 



__________

Como estamos no presente...
Bom, eu gosto de deixar registrado aqui como está a minha vida atualmente, para que eu possa ficar revisitando esse post no futuro e relembrando de quem eu era, como estava a minha vida e como costumava pensar, afinal estou em constante mudança, e espero que para melhor. 

Ainda moro com a minha mãe e minha irmã do meio (a mais nova foi morar com o namorado e acabou de ganhar um filhinho que só tem pouco mais de 1 mês de vida). Estou em busca de trabalho e também prestando vestibulares porque quero começar uma faculdade de Biblioteconomia. Recentemente tenho desenvolvido um especial interesse por organização e pela profissão de personal organizer e tenho pensado bastante a respeito disso de quem sabe algum dia seguir nessa área que gosto muito. 

Continuo com receio de sair de casa e interagir com o mundo e as pessoas que não conheço, desconfio que eu tenha fobia social, mas espero muito conseguir vencer isso algum dia. Eu acho que o que realmente me ajudaria era começar de fato a trabalhar e estudar fora, assim me acostumaria a estar constantemente em contato com as pessoas. 

Continuo gostando muito de ficar em casa com lazeres do tipo assistir muitos filmes e séries, ler livros e jogar jogos de PC. Também gosto de fazer posts para esse blog, por mais trabalhosos que sejam, ainda assim o resultado final sempre vale a pena e me deixa feliz. Também amo viajar com a minha família ou fazer passeios por aí, passear no parque, visitar uma livraria, ir ao teatro, fazer compras no centro ou no shopping, haha. 



__________

Sonhos para o futuro...
Bom, para a nova década que se inicia na minha vida, eu realmente não sei o que esperar, sou péssima até mesmo para imaginar como estará a minha vida daqui 1 ano, que dirá para os próximos 10 anos. 

Eu tenho altas expectativas como sempre, mas sei que são sempre diferentes da realidade. O que eu faço é ter meus sonhos de coisas que quero para a minha vida e tentar traçar planos para conquista-los. As vezes dá certo e as vezes não, tenho consciência disso, é por isso que vou sim me esforçar pra conquistar e ficar feliz se conseguir, porém se não der, paciência, acontece, bola pra frente, não vou ficar me martirizando por causa disso. 

Mas o que eu sonho é: Começar minha faculdade de Biblioteconomia e quem sabe também fazer cursos para trabalhar como personal organizer. Quero passar em concursos e ter um trabalho e uma renda fixas para ter paz de espírito, sem o medo de que não vou passar dificuldades pra pagar minhas contas. Quero também aprender a dirigir, tirar a minha carta, comprar um carro e perder o medo que eu tenho desde já pra dirigir, haha. E por fim, comprar o meu próprio apartamento em São Paulo pra decorar do meu jeito. E claro, como bônus, se rolar muitas viagens pelo Brasil e quem sabe pra fora também, conhecer outro país, eu vou amar. Sonhar não custa nada, hahaha! 

Mas mais do que coisas materiais, eu quero principalmente conseguir vencer ou conviver com os meus medos de modo que não me atrapalhem mais. Quero viver novas experiências, tantas quantas forem possíveis, sair da minha zona de conforto sem surtar ou entrar em pânico com isso, aceitar o que vier de mente aberta. 

Espero me encontrar nesse mundo e não ficar mais a deriva, perdida. E espero que tudo dê certo.

Feliz aniversário para mim!



Hoje é meu aniversário de 30 anos!  Reflexões sobre o passado... É muito doido lembrar, quando eu era criança, do que eu costumava imaginar ...

0 comentários: