The Sims 2 - Seria esse o melhor da série?

22.3.21 Renata Carvalho 2 Comments



Gênero: Casual, Simulação | Desenvolvedor: Maxis | Distribuidor: Eletronic Arts | Lançamento: 2004 | Jogadores: 1 | Disponível em português: Sim | Classificação indicativa: 12 anos | Onde encontrar: Mercado Livre
__________

Apesar de The Sims 2 ter sido lançado em 2004, eu só fui conseguir jogar mesmo dez anos depois, em 2014, quando já não era mais novidade pra ninguém, mas pra mim foi algo revolucionário e novo.

Acontece que na minha adolescência nos anos 2000 eu não era de jogar muito nenhum joguinho, não só porque eu realmente não gostava muito na época e nem conhecia, mas também porque o The Sims 2 era caro e não tínhamos condições de comprar na época (falei no post de The Sims 1 que eu só consegui jogar ele porque era da minha prima, não meu). E por causa disso, a série The Sims passou mais de 10 anos esquecida pra mim.



Porém, eis que veio o ano de 2014 (eu já tinha 23/24 anos), e em setembro desse ano eles iriam lançar o The Sims 4. Então pra comemorar isso, em julho a Origin resolveu dar o The Sims 2, com todos os pacotes de expansão e coleção de objetos inclusos, totalmente de graça por tempo limitado.

Eu simplesmente pirei quando fiquei sabendo dessa notícia. Se eles tivessem resolvido dar o The Sims 1 eu já teria ficado muito feliz, mas não, eles resolveram dar o 2, que eu nunca tinha jogado na vida, e com tudo incluso, totalmente de graça, parecia a realização de um sonho pra mim. Então corri pra baixar o Origin no meu computador, criei uma conta lá e peguei o The Sims 2 pra minha conta, aonde ficaria para sempre.

A partir daí, enquanto estava todo mundo animado com o lançamento do The Sims 4, eu me acabava de jogar o The Sims 2 porque era tudo novo pra mim, tinha muita coisa pra explorar no jogo com tudo incluso, passei muitas e muitas horas viciada jogando, nem estava acreditando que era real.

Eu explorei o jogo ao máximo por mais de 1 ano, tudo o que tinha, e mesmo assim nunca enjoei dele porque eu nunca me canso de The Sims nenhum, é um dos meus jogos favoritos, se não for o favorito.



O The Sims 2 possui 8 Pacotes de Expansão, lançados entre 2005 e 2008, sendo eles:

• Vida de Universitário
• Vida Noturna
• Aberto para Negócios
• Bichos de Estimação
• Quatro Estações
• Bom Voyage
• Tempo Livre
• Vida de Apartamento

Também possui 10 Coleções de Objetos, lançados entre 2005 e 2008, sendo eles:

• Pacote Festa de Natal
• Diversão em Família
• Glamour
• Happy Holiday
• Celebrações!
• H&M Fashion
• Estilo Teen
• Cozinhas & Banheiros: Design de Interiores
• Lar IKEA
• Mansões & Jardins



Agora os Sims têm 7 estágios de vida: recém-nascido, bebê, criança, adolescente, jovem adulto, adulto e idoso. E o jogo se tornou mais realista com relação ao seu antecessor, uma vez que introduziu os finais de semana para os Sims descansarem do trabalho e escola; as Sims ficam grávidas para ter seus bebês (ao invés de simplesmente aparecer um berço do nada como no The Sims 1); existe mais opções de customização dos Sims; os momentos marcantes como primeiro beijo, entrada na faculdade, dentre outros, ficam nas lembranças dos Sims.

O jogo base introduz três vizinhanças: Belavista, Estranhópolis e Vila Verona. Com os pacotes de expansão, mais vizinhanças podem ser adicionadas ao jogo como Colina Formosa (Quatro Estações), Vale Desiderata (Tempo Livre) e Enseada Belladona (Vida de Apartamento).

Há também os lotes comunitários dos pacotes: Vida de Universitário (UNESIM, La Fiesta Tec, Le Dancê Academic), Vida Noturna (Centro da Cidade), Aberto para Negócios (Vila Água Azul), Bom Voyage (Três Lagos, Ilha Twikkii, Vila Takemizu).



Como sempre eu gosto de jogar tanto criando a minha própria família de início (pra conhecer mesmo o jogo), quanto jogando com as outras famílias que tem no jogo (depois de ler a história deles e dar continuidade a essas histórias).

Agora também tem muito mais opções de construção e decoração das casas, e embora eu curta, essa não é exatamente a minha parte favorita, tanto que várias vezes simplesmente peguei casas prontas que o jogo disponibiliza, e no máximo decorei ao meu gosto. O que eu gosto mesmo é de jogar com os Sims.



Eu sempre amei as histórias das famílias e nesse quesito o The Sims 2 expandiu bastante. Fiz questão de jogar com absolutamente todas, dando a todos os personagens exatamente o que eles queriam, fossem coisas boas ou ruins, haha.

O jogo se passa 25 anos depois do The Sims 1 e muita coisa mudou nas famílias que existiam, assim como também novas surgiram. Então só pra resumir:

• A Família Caixão é formada por Vladmir que já é um idoso à beira da morte (sua esposa Laura desapareceu misteriosamente e nunca mais voltou, embora continue viva), sua filha Cassandra que já é uma adulta e está noiva, e pelo filho caçula Alexandre que é uma criança.

• A Família Caliente é formada pelas irmãs Dina e Nina. Tudo leva a crer que são interesseiras, com Dina de olho na fortuna de Vladmir Caixão e também ambas envolvidas romanticamente com Don Lotário.

• A Família Lotário é formada apenas por Don Lotário que é o mulherengo na vizinhança, estando amplamente envolvido em relacionamentos amorosos, incluindo sua noiva Cassandra Caixão, a empregada Catarina Langerak, as irmãs Dina e Nina Caliente, e supostamente Laura Caixão, pois ela foi vista pela última vez no terraço da casa dele antes de desaparecer.



• A Família dos Encantos é composta por Daniel, sua esposa Maria José, e suas filhas gêmeas adolescentes Ângela e Lílite. Eles aparentam ser uma família perfeita, mas na realidade tem as suas intrigas. As gêmeas se odeiam (aparentemente uma delas é rebelde porque teve uma infância difícil e a outra é certinha porque sempre teve tudo o que queria); e Daniel está tendo um caso com a empregada Catarina Langerak, o que pode ser pego no flagra por Maria José se o jogador permitir.

• A Família Malpaga é formada por Brenda, seu filho adolescente Eric e seu filho bebê Bial. Seu marido Durango morreu num acidente na piscina e a deixou grávida do terceiro filho. Eles têm uma péssima situação financeira e a preocupação de Brenda de lidar com Eric que é rebelde, educar Bial para não ser como ele, além do bebê que ela está esperando.

E essas são só algumas das principais, mas também poderia citar a Família nas Nuvens (Dario e seu filho Duque), a Família Bicudo (casal cientistas Loki e Circe, e o “colega de quarto” Nervoso Cobaia), a Família Espectro (Olívia e sua sobrinha Ofélia Nigma), a Família Curioso (irmãos Pascal, Vicundo e Lazlo), a Família Rosnado (General Bruto e seus filhos Culatra, Imito e Armânio), a Família Rugabaixa (Srta. Rugabaixa), a Família Silva (Jeanie, seu marido alienígena 9 de Souza, e seus dois filhos João e Jill), dentre muitos outros. Fiz questão de jogar com TODOS.



Enfim, foi maravilhoso ter tido a oportunidade de adquirir esse jogo completo porque passei muitos meses viciada, jogando direto, de tanto que amei. Se tivesse como “zerar” esse jogo, acho que eu teria conseguido de tanto que explorei todos os lotes e vivi tudo ao máximo pra ver todas as interações de todos os personagens, objetos e lugares. The Sims 2 ocupa um lugar muito especial no meu coração e vai continuar assim pra sempre.

♦ Me adicione na Steam


Gênero: Casual, Simulação | Desenvolvedor: Maxis | Distribuidor: Eletronic Arts | Lançamento: 2004 | Jogadores: 1 | Disponível em portu...

2 comentários:

  1. Que legal Renata! Eu também nunca fui muito de joguinhos quando era mais nova, então acabei não entrando na onda do The Sims. Mas me lembro de ter jogado um pouco no computador de amigos e de ter achado essa interação entre os personagens e as famílias incrível! Adorei saber sobre a sua experiência com ele. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que todos os jogos da série The Sims são os meus favoritos de toda a vida! Não que eu tenha uma vasta experiência com jogos pra determinar isso, hahaha. E eu amo demais os personagens interagindo, muitas vezes é bem parecido com a vida real.

      Beijos!

      Excluir